A monarquia absoluta no tempo de D. João V

D.João V

Graças ao açúcar, ouro e diamantes provenientes do Brasil D. João V tornou-se um monarca muito poderoso. Desde então, governou o reino como rei absoluto, concentrando em si todos os poderes.

A vida na corte

As riquezas permitiram ao rei tornar a corte numa das mais ricas da Europa.

Na corte organizavam-se banquetes que podiam ir dos 7 ª 8 pratos (os mais simples) a 80 (os mais importantes). As novidades da época eram o café, chocolate e o rapé. Para além dos banquetes e de bailes assistia-se a sessões de poesia, de música e a representações teatrais

A sociedade no tempo de D. João V

A nobreza

Influenciada pelo modo de viver da corte, a nobreza tentou imita-la em tudo. No que respeita ao vestuário começaram a usar trajes muito complicados, cabeleiras postiças e os dentes da frente envernizados.

O clero

Para além do serviço religioso o clero continuava ser o principal responsável Tribunal da Inquisição, que perseguia os cristãos – novos e as pessoas acusadas praticarem actos de bruxaria.

           O povo

O povo era um grupo social que abrangia desde a alta burguesia até aos de mais baixa condição, que continuavam a viver com grandes dificuldades.

Apesar de tudo estes continuavam a alimentar-se principalmente de pão, peixe e legumes. As principais diversões do povo eram os espectáculos de fantoches e saltimbanco, as touradas, as procissões e as romarias.

Andreia nº6
Helena nº13
Marisa nº 7
Patrícia nº 22
Vanessa nº 25

6º B